Modelo Renata Banhara, Canal, Sinusite e Infecção Cerebral

Ontem, dia 10/04/2017, o site EGO da Globo.com (VEJA AQUI) noticiou que a modelo Renata Banhara estava internada no CTI do Hospital Albert Einstein com uma infecção cerebral (abcesso cerebral). Um vídeo da modelo explicando sua condição rodou as redes sociais e em sua explicação tudo pode ter iniciado em uma infecção dentária. Será que infecções na boca podem causar infecções no cérebro?

Hoje, dia 11/04/2017, o mesmo site noticiou (VEJA AQUI) que a modelo passou por duas cirurgias e que passa bem. Estamos aqui torcendo pela melhora da Renata e aproveitar a grande divulgação do caso para discutir esse assunto seríssimo: SIM! Infecções da boca PODEM se deslocar para o cérebro. Não estou afirmando que foi isso que aconteceu com a Renata Banhara, mas transcrevi abaixo a explicação que ela enviou em vídeo a um amigo jornalista:

Foto Instagram @Rebanhara – Estamos torcendo pela sua rápida recuperação! Força!

“Na verdade, um dente meu teve … Eu fiz canal há 6 anos atrás e esse dente fechou tudo lindo maravilhoso, sem problema. Esse dente fez um pólo de infecção. Só que ele não me deu febre, não deu pus e não infeccionou. Ele fez uma infecção sigilosa. Aí, a parte dos ossos aqui são muito leves, são fininhas. Se não a cabeça caía, né? Os ossos são leves, esses ossos da cabeça. A bactéria foi pros ossos, fez uma sinusite aqui e essa sinusite criou outras bactérias. Mas essa sinusite também não me deixou com febre, não saiu secreção, não fez nada. Tudo silencioso. Quando você veio para São Paulo, já tava com muita dor … Desde novembro, dezembro eu tô com muita dor na cabeça. Muita dor. Muita dor, muita dor, muita dor …”

Obviamente é uma explicação repassada por uma pessoa que não é da área da saúde, porém ela tem partes que condizem com que pesquisas científicas apontam. Talvez só seja possível ter certeza fazendo uma cultura e identificação das bactérias, isto é, dando nome aos bichinhos e comparando. Muitos pesquisadores alegam que as bactérias podem viajar pela corrente sanguínea e não só ” ir subindo” do dente, pro seio maxilar e depois para o cérebro. Muitas otites (infecções do ouvido) não tratadas completamente ou sinusites podem causar abcessos cerebrais. As bactérias chegam lá porque regiões em volta do cérebro estão infectadas. O cérebro fica muito protegido dentro do crânio, mas mesmo assim, existem bactérias que chegam lá e causam dores de cabeça horríveis. Outros sintomas dos abcessos cerebrais, além das dores de cabeça: Sonolência, lentidão de raciocínio, paralisia, perda de sensibilidade, distúrbios na fala e perda de campo visual. 

Releiam a transcrição do vídeo da Renata Banhara. Ela teve um canal tratado que ficou “tudo bem” e em silêncio, isto é, sem sintomas. Isso é muito comum. Qualquer tratamento Odontológico, inclusive o de canal, precisa de acompanhamento. Tem que voltar no dentista quando ele fica te ligando para o retorno! Neste caso, uma simples radiografia poderia constatar esse “pólo de infecção” mencionado pela modelo.

O brasileiro é muito mal acostumado a tratar os problemas quando eles estão no limite. E depois de tratado, ok! Nunca mais volta para ver se está tudo bem. Esse caso mostra o importância do acompanhamento odontológico. Não só para canais, mas para qualquer tratamento. Restaurações, doença de gengiva, próteses. Nada dura para sempre e muitas doenças são silenciosas.

Algumas pesquisas mostram que 10% das sinusites podem ser causadas por problemas bucais. E tudo isso começa no problema bucal mais comum e básico: a cárie dentária. Que pode se aprofundar atingindo o canal do dente, que pode gerar um abcesso periapical (na pontinha da raiz do dente) que pode invadir a cavidade sinusal. Muitas raízes de Primeiros Molares Superiores tem íntima relação como seio maxilar. Pior: Tudo isso pode acontecer sem uma grande dor. Pessoas convivem (não sei como) com isso. Tem gente que convive com problemas respiratórios classificando-os como “Rinite”, “meu nariz é sempre assim”, “é a poluição” e não procuram um médico para o correto diagnóstico. 

Assista esse vídeo da Dra. Marina Bello sobre o assunto

Quanta vezes tiramos algumas radiografias de rotina e nos deparamos com infecções grandes que o paciente nem está ciente? “Mas não dói nada doutor!” Esse caso que felizmente foi tratado a tempo e continuamos torcendo para que a Renata melhore logo! Compareça sempre às consultas com seu dentista, mesmo se não estiver com dor. Se tiver problemas respiratórios, consulte um médico. Cuide-se! 

Veja a opinião das ODONTODIVAS

Veja a análise do BLOG MEDO DE DENTISTA

Para quem ainda está cético em relação a isso, sugiro pesquisar artigos científicos que relacionem Abcessos Cerebrais, Sinusite e Problemas Bucais. 

Um Abraço

Equipe Dicas Odonto

3 Responses to Modelo Renata Banhara, Canal, Sinusite e Infecção Cerebral

  1. Pingback: Do canal (será?) ao abscesso cerebral: o caso Renata Banhara - OdontoDivas

  2. Pingback: Renata Banhara quase morreu por causa de um tratamento de canal? - Medo de Dentista

  3. Pingback: Granuloma não é câncer e o Dentista na mídia - Dicas OdontoDicas Odonto

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*