Granuloma não é câncer e o Dentista na mídia


O assunto é de extrema delicadeza e aconteceu ontem em um programa de televisão aberta. Granuloma e câncer não tem relação. No meio de uma entrevista com a ex modelo Renata Banhara (VEJA O CASO AQUI), um cirurgião dentista muito curtido e seguido nas redes sociais cometeu um erro técnico afirmando que granuloma pode virar um câncer. Pronto. A polêmica estava arranjada.

É muito complicado falar de saúde na televisão. Já presenciamos vários casos onde as pautas das reportagens usam a edição para mudar o que dentistas haviam falado em entrevista para criar contrapontos. Já vimos também um jornal de Vila Velha publicar uma reportagem mal escrita e uma dentista ser execrada nas redes sociais por um erro do jornal. Dessa vez, o dentista deu uma informação errada que acabou indo ao ar em um programa dominical da TV aberta com muita audiência. Logo depois que a reportagem foi ao ar, ele se desculpou em seu Instagram aos que o atacaram nas redes sociais. Acredito que a má informação deva ser atacada, mas não o cirurgião dentista. Concordo que a “emoção” dificulta essa separação e o apedrejamento online hoje em dia é quase inevitável, infelizmente.

Granuloma – formação inflamatória decorrente de uma infecção. Pode acontecer em várias partes do corpo. Na boca, uma lesão periapical causada por um problema de canal do dente pode virar um granuloma. Câncer – crescimento desordenado de células que também acontece em várias partes do corpo. Na boca, os mais comuns são o câncer de língua e lábio. São doenças distintas sem correlação.

Não estou aqui para julgar o dentista, pois todos nós estamos sujeitos a erros e sou contra o linchamento virtual. O dentista que vai aparecer na mídia e falar ao grande público tem o desafio de descomplicar a informação, isto é, traduzir os conceitos da Odontologia ao público leigo. É preciso preparo prévio e é muito positivo levantar a bola da saúde bucal, chamando atenção para que os pacientes compareçam aos nossos consultórios mesmo quando não há quadros de dor ou dentes quebrados. 

Um dentista falando na TV acaba por representar toda uma classe e ao cometer um erro, abre uma brecha para crítica de toda uma sociedade a nossa profissão. Tem que tomar muito cuidado. É uma grande responsabilidade. Ainda mais no meio de imbróglios e picuinhas recentes entre médicos e dentistas relativos à harmonização facial e o modo como alguns procedimentos estão sendo propagandeados nas redes sociais.  

Um Abraço,

Equipe Dicas Odonto

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*