CROSP e Mercado livre firmam parceria contra venda de produtos sem prescrição


Em 2015 a ANVISA lançou uma resolução proibindo a venda de agentes clareadores dentais sem prescrição odontológica, para o público em geral com ajuda do CROSP. Foi uma grande vitória para a saúde bucal porque esses produtos podem ferir ou trazer problemas irreparáveis se forem usados de maneira errada. São medicamentos e como tal precisam de um controle de venda. Porém, recentemente, vimos dezenas de anúncios pipocando em sites como o Mercado Livre, vendendo clareadores para qualquer pessoa que quiser comprar.

Toda essa resolução da ANVISA, os variados avisos e protestos que fazemos diariamente são em nome da segurança das pessoas. Antes que os haters da Internet comecem a dizer que os dentistas são mercenários porque querem que os produtos clareadores sejam vendidos com receita, gostaria que você pensasse um pouquinho. Os agentes clareadores são medicamentos. Trazem efeitos colaterais e adversos. Podem causar queimaduras químicas. Esses produtos precisam de uma regulação na venda, assim como uma grande gama de remédios.

O CROSP, Conselho Regional de Odontologia de São Paulo resolveu tomar providências depois de inúmeras denúncias e a circulação maciça de imagens mostrando agentes clareadores sendo vendidos em lojas de departamento e no Mercado Livre. Como no Mercado Livre, um site que funciona como uma grande loja de classificados, os produtos são anunciados por vendedores autônomos, isto é, qualquer um pode se tornar um vendedor, fica mais difícil monitorar um a um quem estivesse vendendo produtos que precisam de receita indiscriminadamente. Porém, acreditamos que o site tenha seus meios e ferramentas para fiscalizar e coibir esse tipo de venda. Basta vontade. 

Na última semana de fevereiro deste ano, o Mercado Livre assinou um termo de cooperação com o CROSP, se prontificando a cumprir a legislação vigente, inibindo os anúncios que contenham produtos odontológicos que devem ser vendidos apenas para dentistas com CRO ou sob prescrição. Inclusive o CROSP apresentou uma lista de quase 150 produtos que provavelmente devem incluir borrachinhas para aparelhos ortodônticos, outro produto muito vendido de forma indiscriminada, que vão ser monitorados pelo site de vendas. Acredito que essa ação venha para somar na regulamentação da venda de produtos destinados a odontologia aumentando a segurança dos nossos pacientes.

Estamos de olho!

Lembre-se: clareamento dental com segurança e previsibilidade, só com cirurgião dentista.

Um Abraço,

Equipe Dicas Odonto

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*